Al Gore e Pharrell Williams em concertos


23 de Janeiro, 2015

Fotografia: AFP |

Al Gore e Pharrell Williams anunciaram em Davos, na Suíça, para 18 de Junho, 24 horas de concertos em todos os continentes, numa campanha global de sensibilização para os perigos das alterações climáticas.

O anúncio foi feito no Fórum Económico Mundial de Davos, por uma dupla improvável: Al Gore, antigo vice-presidente dos Estados Unidos, e o cantor Pharrell Williams. Juntaram-se para divulgar uma segunda ronda de concertos “Live Earth”, que esperam transformar na maior campanha global de sempre de sensibilização para as consequências das alterações climáticas.
Kevin Wall, o produtor, que já fez parte da organização na primeira edição do “Live Earth”, em 2007, diz que a expectativa é de que os concertos, que vão acontecer ao longo das 24 horas do dia 18 de Junho de 2015 em todos os continentes, inclusivamente na Antárctica, tenham uma audiência de dois mil milhões de pessoas, através de 193 canais de televisão.
A edição de 2015 chama-se “Live Earth Road to Paris”, uma vez que a capital francesa vai acolher em Dezembro deste ano a conferência da ONU, dedicada às alterações climáticas, onde os líderes mundiais decidem sobre as medidas a aplicar aos vários estados enquanto forma de prevenção e controlo das mudanças do clima.
Pharrell Williams vai ser o director criativo desta iniciativa e, segundo o jornal britânico “The Guardian”, não aceitou   revelar pormenores nem adiantou os nomes dos músicos que vão actuar nos concertos. Para não quebrar o efeito surpresa, disse apenas que “em vez de termos só pessoas a actuar, vamos ter, literalmente, toda a humanidade a harmonizar ao mesmo tempo”.
O cantor, que em 2007 participou no concerto do “Live Earth no Rio de Janeiro”, recorda que, na altura, muitos não levaram a sério o aviso em relação ao aquecimento global: “fomos ridicularizados muitas vezes. Quisemos fazer algo muito diferente desta vez”.
O empenho de Williams na defesa das causas do planeta não é de agora: quando colaborou com Madonna em 2007, no disco “Hey You”, fez questão de que 25 cêntimos do primeiro milhão de “downloads” da música fosse entregue à Aliança para o Controlo do Clima, organização fundada por Al Gore em 2006 e cujo objectivo é sensibilizar para as consequências da “pegada ambiental” do homem sobre a Terra.  Um vídeo promocional, mostrado em Davos antes das declarações de Pharrell, refere que 100 artistas vão estar presentes nos concertos nos vários continentes, e que cada espectáculo vai durar entre quatro a seis horas.
Para financiamento, a organização do “Live Earth Road to Paris” espera conseguir recolher os donativos de particulares, governos e organizações não governamentais.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA