Cultura

Álbum de memórias chega hoje ao mercado

Roque Silva

O segundo volume do disco em memória de Toni do Fumo é apresentado hoje, às 8h00, junto ao Estádio do Progresso, na rua 12 de Julho, no Distrito Urbano do Sambizanga, numa sessão de venda e assinatura de autógrafos promovida pelos filhos.

Produtor do disco e filho do homenageado exibe a capa do CD
Fotografia: DR

Depois de dois sucessivos adiamentos em Outubro e Novembro, alegadamente “por falta de matéria-prima” (discos compactos autênticos), o álbum, está, finalmente, na posse dos detentores dos direitos do  artista que vão fazer, igualmente, amanhã, à mesma hora, uma sessão de venda debaixo do viaduto do Zamba 2, em Luanda.
Intitulado “Parabéns Toni do Fumo”, o álbum tem 26 temas popularizados na época em que pertenceu aos conjuntos Os Jovens do Prenda, Os Kiezos e Estre-las da Maianga, onde iniciou o percurso artístico. Oito delas não constam no primeiro volume, lançado em 2009, pelo projecto Caldo no Poeira. Destaque para “Mãe Kya”, “Kya Muxingue”, “Nga Mubanza”, “Mamã” e “Ngongo”, original de Didi da Mãe Preta.
O filho do artista e produtor do disco disse ao Jornal de Angola que a ideia inicial era fazer um CD com temas que não constaram  no primeiro volume, mas tiveram de alterar, incluindo outras, a pedido dos amigos do pai e dos apreciadores do seu trabalho.
Segundo Toni do Fumo Filho, foi elaborado um trabalho de auscultação em ambientes de música dos anos 60 e 70, nos quais descobriu que quase ninguém  tem o primeiro volume do disco.
O interlocutor, que também segue as pegadas do pai, informou haver ainda um número elevado de músicas do progenitor por editar, por nunca terem sido divulgadas.
O disco vai ser vendido por mil kwanzas. Dois mil exemplares foram editados numa primeira fase, em Angola, pela Afepa Produções.

Tempo

Multimédia