Angola mostra pavilhão em Milão

António Bequengue |
4 de Outubro, 2014

Fotografia: DR

Angola vai ser a protagonista da primeira “Semana de países” na Expo Milano 2015, com a  apresentação pública hoje, a partir das 10h30, do seu pavilhão no complexo Expo Gate, na cidade de Milão, em Itália.

Considerada uma nação, a Expo Milano 2015 realiza-se de 1 de Maio a 31 de Outubro do próximo ano, com a participação de 144 países e três organizações internacionais.
A primeira “Semana de países” da nação Expo Milano 2015 decorre hoje e amanhã, com um programa que reserva a actuação de artistas, com o ballet tradicional Kilandukilo e o músico Gerson Castro, a par de uma degustação de pratos típicos angolanos e da apresentação do projecto arquitectónico com o qual Angola vai estar presente na Exposição Universal.
O acto público, que conta com a parceria da organização da Expo Milano 2015, vai ser assistido pelo embaixador de Angola em Itália, Florêncio de Almeida, membros da representação comercial de Angola em Milão e da comunidade angolana em Itália, além de convidados de diversos países e organizações participantes na exposição.
A comissária-geral de Angola, Albina Assis Africano, vai estar presente com o seu adjunto, Ditutala Simão, o arquitecto António Gameiro, consultores e assessores angolanos e estrangeiros. Durante a cerimónia, a comissária-geral vai dar uma conferência de imprensa para explicar as razões que levaram o país a escolher como tema central da sua participação “Alimentação e Cultura: Educar para inovar”.
Albina Assis Africano adiantou que vai falar, igualmente, sobre as directivas gerais que caracterizam o pavilhão, o maior de Angola alguma vez construído de raiz, para uma iniciativa deste género.
O pavilhão tem, aproximadamente, três mil metros quadrados de superfície, assente num conceito de modelo expositivo informativo e interactivo, que conjuga uma diversidade de informações de índole económica, agrícola, industrial, cultural, social e gastronómico.
A responsável pela assessoria de imprensa da comissão interministerial de Angola na Expo Milano disse que o país tem uma oportunidade única de relançar e cativar as bases do tecido produtivo, de forma sustentável, recorrendo a modernas infra-estruturas e tecnologias, usando como ferramentas primordiais a edução e a inovação.
“Semana de países” é um novo formato da Expo, criado para permitir aos Estados participantes apresentarem o tema da sua participação e contarem um pouco da sua história e cultura, através de um programa que inclui performances e a gastronomia tradicional de cada país.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA