Cultura

Angolanos são formados em Museologia em Berlim

Quadros do Ministério da Cultura ligados à área museológica participaram, de segunda-feira até ontem, num seminário sobre “Cooperação entre os Museus de Antropologia de Angola e de Berlim: Primeiros Passos”, em Berlim.

Alemãs transmitem experiências em matéria museológica
Fotografia: DR

O seminário enquadrou-se no programa de preparação do plano de acção do memorando de entendimento a ser assinado entre a Direcção Nacional de Museus, a Fundação do Património Cultural da Prússia e o Goethe Instituto.
Durante o seminário, os participantes abordaram questões relacionadas com colecções etnográficas de Angola dos exploradores alemães nos séculos XIX e XX, História de Antropologia e Museologia em Angola, colecções do Museu Nacional de Antropologia e conservação das colecções daquela  instituição.
A conservação e restauro das colecções no Museu de Etnologia de Berlim e a herança colonial no intercâmbio cultural internacional foram outros temas abordados durante o seminário.
Os integrantes da delegação angolana tiveram a oportunidade de visitar o depósito e o atelier de conservação do Museu de Etnologia de Berlim, museus e sítios históricos de Berlim.
A delegação angolana foi constituída pelo director nacional de Museus, Ziva Domingos, pelo  director do Museu Nacional de Antropologia, Álvaro Jorge, Engrácia de Oliveira, técnica do museu, e Teresa Queta, técnica do Gabinete Jurídico do Ministério da Cultura.

Tempo

Multimédia