Arquitecta Mingas fala sobre Luanda


28 de Julho, 2014

Fotografia: Santos Pedro

“Luanda, ontem, hoje e amanhã” é o tema central do próximo dia 30, a partir das 18h00, na sede da União dos Escritores Angolanos (UEA), na habitual “Maka à Quarta-feira”, cuja oradora é a arquitecta Ângela Mingas.

De acordo com uma nota da UEA, a cidade de Luanda coloca a todas as pessoas e às autoridades uma infinidade de problemas, antigos e recentes. Importa pois, envolver, abordar e debater a situação actual com o máximo possível de interessados, quer individualmente, quer integrados em associações da sociedade civil, e prever o que vai acontecer à nossa capital dentro de alguns anos.
“Uma ocasião soberba para ouvirmos falar, com propriedade, e também colaborarmos nesse debate urgente e necessário, sobre a nossa Luanda e as suas várias vertentes de desenvolvimento”, lê-se na nota. São convidados todos os interessados, em especial escritores, estudantes e profissionais ligados aos múltiplos ramos em que assenta a condução e o crescimento de Luanda.
Ângela Mingas tem formação em Pedagogia, Arquitectura e Antropologia e é conhecida, não apenas pela sua função de Directora do Centro de Estudos e Investigação Científica de Arquitectura da Universidade Lusíada de Angola. Especialista em Património Arquitectónico, é ainda activista social e coordenadora da Campanha de Divulgação e Sensibilização Sobre Património Arquitectónico “Reviver”, em parceria com a Kalú (Associação dos Naturais e Amigos da Cidade de Luanda). O desporto, a música, a literatura e o desenho também fazem parte das suas inúmeras vocações.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA