Arte de Mosquito exposta na Ucrânia


23 de Outubro, 2014

Fotografia: Cedida pelo artista |

Nástio Mosquito é um dos 21 artistas de vários países que participa num concurso internacional, em Kiev, cujos trabalhos estão expostos naquela cidade de amanhã até 4 de Janeiro.

Neste III Prémio de Arte Geração do Futuro destinado a artistas até aos 35 anos, promovido pela Fundação Victor Pinchuk, os participantes foram seleccionados entre mais de 5.500 concorrentes de 148 países.
O vencedor recebe 60 mil dólares, 20 mil dos quais para residências artísticas.
Além das de Nástio Mosquito estão expostas obras Neil Beloufa (França), Rossella Biscotti (Itália), James Bridle (UK), Kudzanai Chiurai (Zimbabwe), Cécile Evans e Allyson Vieira (EUA), Aslan Gaisumov (Rússia), Ximena Garrido-Lecca (Peru), Ele Xiangyu (China), Jia Aili (China), Nikita Kadan e Zhanna Kadyrova (Ucrânia), Mauricio Limón (México), Adrian Melis (Cuba), Carlos Motta (Colômbia), Jon Cally Spooner (Reino Unido), Pilar Quinteros (Chile), Rafman (Canadá), GCC (Região do Golfo Pérsico) e o Movimento Pública (Israel).  O júri é constituído por Francesco Bonami, curador e director da 50ª Bienal de Veneza, pelos artistas plásticos Jan Fabre (Bélgica) e Doris Salcedo (Colômbia), Eckhard Schneider, director-geral da Pinchuk Art Centre (Ucrânia),  Bisi Silva, curador independente e director do Centro de Arte Contemporânea de Lagos (Nigéria), Adam Szymczyk, director artístico da Documenta 14 (Polónia) e Philip Tinari, director do Centro Ullens de Arte Contemporânea de Pequim. A cerimónia de entrega dos prémios realiza-se em 6 de Dezembro.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA