Arte urbana ganha mais obras


24 de Março, 2015

Fotografia: REUTERS

O Google Cultural Institute aumentou a colecção online de arte urbana criada no âmbito do projecto Street Art Project para mais de dez mil trabalhos de artistas de todo mundo.

Entre as obras disponíveis há agora mais 192, o que foi possível por intermédio de dois novos parceiros, o Wool e a Urban Creativity. A entrada de novas obras na galeria Street Art, que reúne trabalhos de mais de 3.500 artistas apresentados por 86 parceiros de 34 países, aumenta o catálogo de obras de arte urbana conservadas digitalmente face ao risco de desaparecerem.
Amit Sood, responsável pelo Google Art Project, sublinhou que a “tecnologia permite que se preserve estas expressões artísticas e as disponibilize quando e onde se pretender”. Adiantou informando que  “esta colecção digital de mais de dez mil imagens imagens, 90 novas colecções e arte em formato GIFs animados de todo o mundo vai levar a vibrante arte urbana aos ecrãs dos computadores, telemóveis e relógios inteligentes através da ligação à Net”, disse.
Além do arquivo online, os trabalhos podem agora ser expostos na televisão por via do Chromecast, nos computadores com a extensão do Chrome, nos relógios inteligentes com o Android Wear e nas aplicações para telemóveis especificamente desenvolvidas para o projecto, refere o Google em comunicado.
“Quer o WOOL, quer a Galeria de Arte Urbana, que se associou ao projecto em 2014, participam nas várias experiências da Google”, afirma o documento.  Lara Rodrigues, co-fundadora, curadora e produtora do WOOL, empresa portuguesa de arte, considera que a parceria com o Street Art Project “é também a melhor forma de promover e perpetuar a arte urbana em todo o mundo, incluindo a de ­origem portuguesa”. O Street Art Project integra o Google Art Project que permite a qualquer utilizador visitar e explorar online museus e obras de arte em todo o mundo.
Cada trabalho é acompanhado de uma ficha de identificação que indica o local onde se encontra ou estava a obra, o artista, quando identificado, as dimensões das obras, as técnicas utilizadas e a sua localização no mapa do respectivo país.
Portugal tem actualmente 236 obras disponíveis e 19 colecções, que inclui trabalhos de Vhils, Mariana Dias Coutinho, ou um conjunto de trabalhos fotografados na Calçada da Glória, em Lisboa.
Cada trabalho é acompanhado de uma ficha de identificação que indica o local onde se encontra ou encontrava a obra, o artista, quando identificado, as dimensões das obras, as técnicas utilizadas e a sua localização no mapa do respectivo país.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA