Artistas expõem fotografias


11 de Junho, 2015

Fotografia: Dombele Bernardo

Uma exposição colectiva de Keyezua, Van e Cinquenta é inaugurada hoje, pelas 18h30, na Academia do Banco Africano de Investimento (BAI), no Morro Bento, em Luanda.

Este ano a diferença com as outras edições do Vidrul Fotografia, é fazer da quarta exposição uma colectiva com os três artistas que estiveram recentemente a expor na União Nacional dos Artistas Plásticos (UNAP).
“Sem Maneiras” é o tema da segunda exposição de fotografia de Keyezua, que engloba os quadros “A amante desaparecida”, “Estamos 100 dollaris” e “No meio de tanta pobreza, aonde encontro tesão?”. O trabalho é uma série de imagens que permite uma multiplicidade de leituras. As imagens ilustram problemas sociais com objectos do quotidiano e com o corpo feminino. O corpo e os objectos são as únicas linguagens que a artista utiliza, para oferecer ao espectador uma experiência estética e reveladora que dá voz aos seus pensamentos.
Enquanto que “Formas e Composição”,  do artista Van apresenta na sua colecção de 18 fotografias, captadas nos últimos dois anos, uma forma de escrita propositada, baseada na pronúncia de muitos angolanos e com grafia das línguas portuguesa e bantu.
Por sua vez, o tema “Nambuangongo” é título da exposição fotográfica de Cinquenta composta por quinze imagens documentais do Nambuangongo (sua terra natal), tais como: edifícios velhos, poucas infra-estruturas da era colonial, bem como, a natureza e o sonho dos habitantes daquela localidade do Bengo.
Esta exposição colectiva está inserida na quarta edição do projecto Vidrul Fotografia- 2015. A exposição vai estar patente durante uma semana e aberto ao público das 8h00, às 17h00.
O projecto que visa dar maior visibilidade aos trabalhos desenvolvidos pelos criadores nacionais, é uma plataforma fotográfica experimental, criada em 2012, cujo desafio é levar fotógrafos angolanos a exporem as suas propostas de arte contemporânea.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA