Cultura

Aumentam visitas para pesquisas no Museu do Lobito

Mais de seis mil estudantes visitaram, desde 2016 até a presente data, o Museu de Etnografia, no município do Lobito, província de Benguela, para trabalhos de pesquisa e investigação científica.

Fotografia: Jaimagens | Edições Novembro


Em declarações ontem à Angop, o director regional do Museu de Etnografia, Cipriano de Sousa, a propósito do 18 de Maio, Dia Internacional dos Museus, disse que os estudantes procuram a instituição para efectuarem trabalhos académicos.
Os estudantes, acrescentou, visitam este espaço por conservar peças que retratam a vida etnolinguística da região. “O acervo do Museu de Etnografia representa a divisão etnolinguística do território nacional e quando os visitantes visitam a tendência é rever a sua identidade cultural, em função da sua localização geográfica”, disseCipriano de Sous, que anunciou que nos próximos meses o museu vai funcionar também nos fins-de-semana, para permitir que pais e encarregados de educação, que não têm tempo livre nos dias úteis, possam levar os filhos a visitar o local. O Dia Internacional dos Museus foi instituído em 1977 pelo Conselho Internacional dos Museus.

Tempo

Multimédia