Cultura

Brasileiros interagem na cidade de Benguela

Um grupo de seis artistas brasileiros da cidade de São Paulo encontram-se, desde quinta-feira, na província de Benguela, no âmbito do projecto Raízes, que visa estimular o intercâmbio cultural entre Brasil e países africanos.

Actores de Benguela vão criar parceriais com brasileiros
Fotografia: Angop

Juliana Borges, Amanda Negrasim, Luís Lobato, Rudney Borges, Rosa Falzoni e Gisele Ramos, residentes no estado de São Paulo, Brasil, pela primeira interagem com a realidade cultural em Benguela, com a finalidade de incentivar o intercâmbio na área da música, do teatro, da literatura, empreendedorismo cultural e antropologia.  Segundo a coordenadora da delegação brasileira, Juliana Borges, o propósito deste projecto é a aproximação dos dois povos irmãos, tendo como pano de fundo a valorização cada vez mais das origens que une ambos os países. Juliana Borges afirmou que é um momento oportuno para troca de experiências e conhecimentos sobre a realidade artística brasileiro e angolana.
Apontou como exemplo os avanços na produção cultural na cidade de São Paulo, daí a pretensão em alargar essas experiências.

Tempo

Multimédia