Capela Sistina sofre alterações


16 de Junho, 2014

Fotografia: DR

A Capela Sistina vai ter, em Outubro, um novo sistema de climatização e de iluminação para ajudar a preservar os vários frescos de Miguel Ângelo, informou no sábado o Vaticano.

Após o trabalho de preservação das criações artísticas, a direcção da Capela Sistina pretende passar a receber no local duas mil pessoas, em simultâneo, ao contrario das actuais 700.
Os novos sistemas de climatização e iluminação da Capela Sistina começaram a ser instalados e as visitas ao local estão proibidas até ao final das obras, confirmaram os Museus Vaticanos.
As mudanças da sala vão preservar as pinturas de Miguel Ângelo de elementos nocivos como o pó, transpiração e dióxido de carbono deixados pelos milhares de turistas que todos os dias visitam a Capela Sistina.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA