Cultura

Casa Museu Óscar Ribas acolhe mostra natalícia

Roque Silva

A Casa Museu Óscar Ribas, em Luanda, acolhe, no dia 31 deste mês, uma exposição de artes plásticas, em saudação a mais um aniversário do seu patrono, que completaria 109 anos caso estivesse em vida.

Instituição museológica guarda os objectos do escritor
Fotografia: Paulino Damião | Edições Novembro

A mostra, em homenagem àquele que foi uma das maiores fontes orais de Angola,  intitulada “Óscar Ribas, Objectos, Rituais e Tradições”, vai reunir mais de 10 telas de impressão no formato A2, produzidas com a técnica de óleo acrílico sob tela.
Os quadros têm imagens dos objectos pessoais de Óscar Ribas e de cerimónias tradicionais retratadas nas suas obras literárias, preparados especialmente para a exposição por técnicos da área de museografia afectos à Casa Museu.
A exposição, que fica patente até o dia 17 de Setembro, segundo o programa de actividades, é aberta pela ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, seguida de um discurso da directora da Casa Museu Óscar Ribas, Maria Fernanda Leal de Brito Almeida.
Escritor e ensaísta angolano, Óscar Ribas deixou um valioso legado literário, que remete todos a uma profunda reflexão e à acção para variadas missões que competem ao Ministério da Cultura, que realizou em 2009, no Palácio dos Congressos, em Luanda, uma conferência internacional sobre a vida e obra do artista e investigador, em celebração ao seu centenário, por forma a tornar a sua figura e data indeléveis.

Tempo

Multimédia