Cultura

Cef domina prémios no concurso de moda

Roque Silva

O cantor Cef venceu duas categorias e conquistou o maior número de troféus da 21ª edição dos prémios Moda Luanda, que decorreu no fim de semana, na Baía de Luanda.

Fotografia: Dombele Bernardo | Edições Novembro

Cef arrebatou as estatuetas de Melhor Intérprete Masculino e Melhor Álbum do Ano, as mais disputadas categorias do concurso, tendo superado a disputa entre C4 Pedro, Lil Saint e Filho do Zua.
O autor do álbum “Cartel D’Amor”, lançado em 2017 e um dos mais ouvidos pelos jovens, confirmou o momento de auge da sua carreira, depois de ter realizado o primeiro concerto, em Março, no Cine Atlântico abarrotado de fãs.
Yola Semedo foi galardoada com o troféu de Melhor Intérprete Feminina, C4 Pedro venceu, apenas, a categoria de Melhor Vídeo do Ano, do tema "Saudades", embora seja o artista tido como o “vencedor dos vencedores” no Moda Luanda, com onze categorias conquistadas no histórico do concurso de moda.
Anselmo Ralph sagrou-se vencedor de “Artista Kisom”, Preto Show venceu Melhor Espectáculo e Cláudio Fénix e Lil Saint venceram em Melhor Colaboração. />Filho do Zua, concorrente estreante, não ficou para trás ao conquistar a categoria Artista Revelação. Foram ainda premiados Eva Rap Diva, Artista de Rap, TRX, Artista ou Grupo de Música Moderna, e Paulo Alves, Melhor DJ.
À Casa 70   foi atribuído o prémio de Melhor Carreira, pelos feitos, em várias anos, em prol da divulgação e promoção da música angolana.
Na área do cinema foram premiados Pedro Hossi e Grace Mendes como Melhores actores masculino e feminino, pelas representações regulares em telenovelas de produção portuguesa. O Moda Luanda distinguiu, também, Rose Palhares, Melhor Criador, Maria Borges, Pedro Armada, Ludvânia Almeida e Flora (manequins) e os apresentadores de televisão, Laurinda Calças (informação) e Daniel Nascimento (entretenimento) e Titica (prestígio).

 

 

Tempo

Multimédia