Chico Buarque lança “O Irmão Alemão”


6 de Novembro, 2014

Fotografia: AFP |

“O Irmão Alemão”, o quinto romance de Chico Buarque, chega às livrarias no dia 14, cinco anos depois da publicação do seu último livro “Leite Derramado”.

A editora brasileira Companhia das Letras, que vai apresentar o livro no Brasil, divulgou a notícia e destacou o facto de o novo livro de Chico Buarque ser “um romance que procura explorar as nuances da verdade e dos afectos”.
A editora brasileira disponibilizou também um vídeo no qual o escritor, que completou 70 anos no passado mês de Junho, lê um dos capítulos do seu novo livro, no qual o autor demonstra de onde surgiu o seu gosto e interesse pela literatura.
“Impulsionado pela colecção de livros do pai Chico Buarque cresceu a rodeado de livros e começou a manter um contacto constante com estes. A sua mãe teve um papel preponderante também, porque o incentivou a escrever um livro, mas que fosse o melhor do mundo”, destaca a editora numa nota de imprensa.
A biblioteca do seu pai, conta, tinha 15 mil livros. “Mas ele conseguiu, anos depois, ter 20 mil títulos. Isso sem contar com os jornais, as revistas e outras publicações que algumas editoras enviavam por cortesia. Era uma das maiores bibliotecas particulares de São Paulo. Acredito que ele começou a coleccionar livros a partir dos 18 anos. Ele não deve ter lido todos. Porém, aprendi a gostar de alguns e foi isso que me inspirou e levou hoje a escrever ‘O Irmão Alemão’ e outros tantos livros”, disse.
O livro, destaca a editora, serve também para mostrar ao público um escritor mais maduro, capaz de explorar determinados campos temáticos com experiência e mais cuidado na linguagem. “É preciso que os escritores explorem mais os temas ligados a sociedade, particularmente a brasileira em constante mudanças e com jovens em busca de inspiração”, destacou.
Para o escritor, o gosto pela leitura deve ser incutido desde cedo nas crianças, de forma a que seja criada uma nova geração de autores, capaz de olhar à sua sociedade e os problemas que a afligem de várias perspectivas.
“É preciso começarmos a pensar em deixar um legado às gerações vindouras, para que tenham bases fortes para falar sobre o país e do quotidiano. Apesar da diversidade temática existente nas publicações brasileiras ainda existem pontos de vista pouco explorados pelos escritores, porque não se identificam com os mesmos”, disse.
Apesar de ser uma história ficcional, a editora brasileira explica ainda que os leitores podem encontrar no livro alguns traços autobiográficos do p´roprio autor.
Na biografia de Chico Buarque existe um irmão alemão, conta a editora. O seu pai, o historiador Sérgio Buarque de Holanda, viveu na Alemanha e teve um filho de Anne Margerithe Ernst: Sérgio Georg Ernst, que nasceu em Berlim nos anos 1930. Apesar das tentativas da família Buarque para o encontrar, nunca foi possível. Francisco Buarque de Holanda, mais conhecido por Chico Buarque nasceu no Rio de Janeiro a 19 de Junho de 1944. É um músico, dramaturgo e escritor brasileiro. É conhecido por ser um dos maiores nomes da música popular brasileira (MPB). Escreveu seu primeiro conto aos 18 anos.
“Leite Derramado” conquistou em 2010 o Prémio Jabuti do Livro do ano. Além deste título ganhou também o Portugal Telecom de Literatura em Língua Portuguesa.
Apesar de ainda não ter data de publicação em Portugal, a editora Dom Quixote, promete lançar o livro o próximo ano.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA