Cine Tropical fecha as portas para obras


22 de Setembro, 2016

O Cine Tropical fechou as suas portas ao público para obras de restauração, segundo informou ontem, o Ministério da Cultura, num comunicado de imprensa.


No documento enviado à Angop, o Ministério da Cultura adianta que a intenção é melhorar as condições de acomodação e de segurança dos frequentadores do espaço, dando maior dignidade a quem faz do espaço um local para momentos de lazer.
De acordo com o Ministério da Cultura, as obras têm a duração de dois meses. Englobando um conjunto de salas de exibição de filmes na capital angolana, o Cine Tropical é diferente dos demais, pois em vez de filas de cadeiras tem mesas, cadeiras, uma pista de dança e fosso de orquestra.
No tempo colonial, partilhava os seus jardins com a Rádio Clube de Angola. O Cine-Dancing Tropical realizava semanalmente o serão musical Caixinha de Surpresas.
Angola independente herdou, a 11 de Novembro de 1975, um total de 51 salas de cinema, sendo 17 em Luanda, sete em Benguela, três no Huambo, no Namibe, no Uíge, no Bié, no Cuanza-Norte e no Cuanza-Sul, duas na Huíla e em Cabinda, uma para as províncias da Lunda Sul, Lunda Norte, Cuando Cubango, Moxico e Zaire.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA