Cineasta produz nova versão


25 de Julho, 2014

Fotografia: AFP

O realizador espanhol Francisco Javier Gutiérrez vai assinar a nova versão de “O chamado”, a história de terror realizada por Gore Verbinsky e que era um remake do japonês “Ring”, de Hideo Nakata.

O site “The Hollywood Reporter” informa que o filme produzido pela Paramount é o terceiro baseado na história escrita por Koji Suzuki sobre uma fita de vídeo maldita que faz com que quem a veja morra uma semana depois.
“O Chamado” (2002), com Naomi Watts, Martin Henderson e Brian Cox, arrecadou 249 milhões de dólares, o que motivou a realização da sequência “O Chamado 2” (2005), realizada pelo japonês Nakata e novamente com Watts, acompanhada por David Dorfman e Sissi Spacek.
Até hoje, Gutiérrez (Córdoba, 1973) lançou apenas um longa-metragem, “Três dias”, que conta como o mundo se prepara para a chegada de um meteorito em 72 horas, e é protagonizado por Víctor Clavijo, Mariana Cordero e Eduard Fernández.
O filme, que se estreou no Festival de Berlim, levou entre outros prémios a Bisnaga de Ouro de melhor filme no Festival de Cinema Espanhol de Málaga. O realizador trabalha agora em “O corvo”, outro “remake”, do original de 1994, protagonizado por Brandon Lee e baseado na história em banda desenhada de James Obarr.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA