Cultura

Clé Entertainment promove espectáculo do Filho do Zua

Mário Cohen

Filho do Zua actua na Casa 70, em Outubro, num concerto organizado pela Clé Entertainment em parceria com o Banco de Negócio Internacional (BNI).

Fotografia: DR

Em conferência de imprensa realizada na quarta-feira em Luanda, a directora de Marketing e Comunicação da Clé Entertainment, Poupée Martinho, informou que a agência tem outras iniciativas culturais, como a Clé no Bairro, que começa a 1 de Setembro no distrito urbano do Rangel, na rua da Dona Amália, com a participação do cantor Godzilla Game.
Em Novembro, a promotora de eventos realiza no Parque da Independência uma sessão de venda e assinatura de autógrafos do CD do grupo de rap Mobbers.
Com estas iniciativas, pretende ajudar os artistas a desenvolver as actividades artísticas, bem como prestar apoio na conquista de espaços no mercado. Para sustentar o projecto, a Clé Entertainment assinou um acordo de cooperação com o BNI.
Os resultados não se fazem esperar, pois na primeira semana de Setembro vai ser inaugurado a Clé Estúdio, para facilitar a gravação de discos no país.
A Clé Entertainment é uma empresa que trabalha na gestão de carreira e imagem de artistas angolanos, actuando de forma diferenciada no mercado. Além disso, co-produziu espectáculos do cantor brasileiro Belo em Luanda e Benguela, da banda Revelação em Luanda e Benguela, dos Kassav em Luanda e Benguela, dos Tabanka Djazz, Jorge Neto e Paulo Flores em Luanda e de Preto Show.
Segundo Emanuel Guedes, gestor do BNI, a instituição financeira apoia o projecto assumindo o desafio de contribuir para a promoção e divulgação da cultura nacional, criando condições  para a evolução dos artistas.

Tempo

Multimédia