Compositora lamenta fraco investimento


24 de Outubro, 2014

Fotografia: Paulino Damião

A compositora Rosa Roque disse à Angop que “o fraco investimento financeiro” nos artistas angolanos é algo a ser superado. A compositora Rosa Roque disse à Angop que “o fraco investimento financeiro” nos artistas angolanos é algo a ser superado.


A compositora disse que, apesar de a música angolana registar níveis elevados ainda haja falta de interesse e de apoios financeiro aos compositores nacionais, em particular os mais velhos.
Quanto a introdução de instrumentos tecnológicos nos arranjos musicais, a responsável referiu que quando usados de forma correcta não retiram a originalidade das músicas. A música angolana, declarou, é mais determinada pelo ritmo, já que as letras limitam-se aos mesmos assuntos, o que impossibilita grandes reflexões por parte dos apreciadores.
Para Rosa Roque é preciso aumentar o número actual de compositores, em especial os preocupados com a construção de letras de qualidade e cariz educativo.  “É importante que se criem políticas de Estado e incentivo para os músicos preocupados com a preservação da identidade cultural”, disse.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA