Craig David canta em Luanda


13 de Fevereiro, 2016

Fotografia: Reuters |

O músico brasileiro Gabriel, o Pensador, o inglês Craig David e o grupo angolano O2 são os cabeças de cartaz da 4.ª edição do Festival Sons do Atlântico que se realiza a 5 de Março, às 18 horas na Baía de Luanda, anunciou quinta-feira em conferência de imprensa a organização.

Organizado pela Showbiz, empresa angolana de eventos e espectáculos, o festival vai contar igualmente com a participação do DJ Maphorisa da África do Sul e dos artistas angolanos C4 Pedro, Kyaku Kyadaff e Noite e Dia, que se volta a juntar exclusivamente para esta edição.
Os interessados em assistir ao festival podem adquirir os bilhetes nas lojas RMS do Belas Shopping e da Vila Alice, STROMP e Baía de Luanda, ao preço de dez mil kwanzas, para a frente do palco, e 2.500 kwanzas, para a plateia geral.
Nascido no Rio de Janeiro, a 4 de Março de 1973, Gabriel Contino, mais conhecido pelo nome artístico Gabriel, o Pensador, é rapper, compositor, escritor e empresário. Começou a obter sucesso musical com o tema “Tô Feliz” (Matei o Presidente), sendo logo contratado pela Sony Music. Até à data, gravou os álbuns “Gabriel o Pensador”, “Ainda É Só o Começo”, “Quebra-Cabeça”, “Nádegas a Declarar”, “Seja Você Mesmo” (mas não Seja sempre o Mesmo) e “Cavaleiro Andante”. O seu disco último discp, Sem Crise, foi lançado em 2010 de forma independente.
Gabriel, O Pensador publicou em 2001 o livro autobiográfico Diário Noturno. Quatro anos mais tarde editou “Um Garoto Chamado Roberto”, que ganhou o Prémio Jabuti de melhor livro infantil de 2006. 
Em 2008, editou o livro “Meu Pequeno Rubro-Negro” e um ano depois lança uma versão ampliada da mesma obra intitulada “Meu Pequeno Rubro-Negro” - Edição Especial do Hexa. Gabriel, O Pensador escreveu ainda, em parceria com Laura Malin, o livro Nada Demais.
O britânico Craig David, nascido em Southampton a 5 de Maio de 1981, começou a carreira muito cedo. Após ganhar um concurso de letras, passou a trabalhar em conjunto com Artful Dodger's Mark Hill, a escrever e produzir temas como I”'m Ready”, “Rewind” e “Woman Trouble”.  Depois do sucesso como produtor e autor de composições, ele resolveu investir em si próprio. Com apenas 19 anos, gravou o álbum “Born To Do It”, e passou a ser o artista britânico mais novo a ter um single no primeiro lugar da lista de vendas no Reino Unido.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA