Cultura

Criações angolanas em feira internacional

A galeria angolana This Is Not A White Cube (TINAWC) está entre as 70 seleccionadas para participar na Feira Internacional de Arte Contemporânea - Arco Lisboa, que se realiza entre amanhã e domingo na Cordoaria Nacional, na capital portuguesa.

Fotografia: DR

Esta edição apresenta como novidade a secção “África Em Foco”, um espaço que a feira internacional assume como ponto de partida na singular posição internacional de Portugal na encruzilhada entre África e a Europa, que tem como curadora a angolana Paula Nascimento.
A galeria This Is Not A White Cube vai marcar presença na secção principal da Arco Lisboa, com um espaço de 24 metros quadrados, no qual apresenta quatro artistas africanos, nomeadamente Januário Jano e Cristiano Mangovo (Angola), Gonçalo Mabunda (Moçambique) e Patrick Bongoy (República Democrática do Congo) - com obras de pintura, fotografia, escultura e instalação.

“Spaces in Between”

Na sequência da sua representação nesta edição da Arco Lisboa, a galeria angolana reforça a sua participação na feira com um projecto expositivo mais extenso, através do comissionamento de um programa paralelo da Arco -“Spaces in Between”- uma mostra colectiva internacional que reúne 14 artistas, de oito países africanos e da diáspora, em linha com os temas de focagem da Arco Lisboa 2019, explorando as áreas de pesquisa, criação e coleccionismo africano.
“Spaces in Between” integra uma pluralidade de media e estéticas, de artistas de diversos países africanos, na maioria, artistas conceituados com percurso internacional relevante. Parte dos artistas internacionais expõe, pela primeira vez, os seus trabalhos em Portugal.
A mostra inclui obras de fotografia, escultura, pintura, mixed media, live performance e instalação. Em 17 e 28 Maio, a exposição “Spaces in Between” ocupará um palacete em ruínas, futuro Hotel Boutique, na rua da Madalena, em plena Baixa de Lisboa. O espaço expositivo deste ano estende-se ao longo de três salas contíguas, o hall e a escadaria do antigo palacete.
Sónia Ribeiro, fundadora da TINAWC, conclui: “ Foi para nós, uma galeria angolana, um enorme desafio organizar uma exposição deste nível, em Portugal. ‘Spaces in Between’ é uma exposição colectiva que reúne artistas de diferentes gerações, contextos geográficos e percursos profissionais.”

Tempo

Multimédia