Criadores da CPLP juntos em Maputo


17 de Julho, 2015

Fotografia: Paulino Damião

Angola é um dos países convidados da VII Bienal dos Jovens Criadores da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), que abre hoje oficialmente as portas ao público nas cidades de Maputo e Matola.

Na Bienal, que decorre até o dia 21, sob o lema “Juventude e Cultura Reforçando os Laços de Amizade”, Angola participa com uma delegação do Ministério da Juventude e Desportos que inclui 30 jovens artistas nacionais de escultura, fotografia, pintura, desenho, artes digitais, grafite, gravura, dança e música.
Massangano Domingos,  supervisor dos artistas angolanos que participam na Bienal, promovida no âmbito da Conferência de Ministros da Juventude e Desportos da CPLP, disse  que a iniciativa “é mais uma oportunidade para troca de experiências, estabelecer cooperações e conhecer outras culturas”.  “A Bienal vai contribuir também para maior integração da juventude, aproximação e intercâmbio entre as diferentes identidades culturais”, afirmou.
O director do Instituto Moçambicano da Juventude, que  participa no encontro, disse esperar que, através da bienal, se consiga “maior divulgação das obras de jovens artistas da CPLP e promover a discussão e partilha de vivências nas esferas da vida política, económica e social dos seus países”.
Rui Mapatse referiu que a iniciativa representa igualmente “a oportunidade de reflectir sobre os diversos temas prementes da juventude, promover a divulgação de políticas públicas junto da juventude da CPLP e do Mundo e estabelecer elos entre profissionais e jovens criadores nas diversas perspectivas artísticas e culturais”.
A VII Bienal tem a participação de jovens ligados à produção artística (artes visuais, escultura, pintura, fotografia, desenho, gravura, grafite, intervenções urbanas, música, dança e teatro ) de Moçambique,  Angola, Timor-Leste, Brasil, Portugal, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde e Guiné Equatorial.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA