Cristo almeja sucesso com novo disco


6 de Setembro, 2016

Fotografia: Contreiras Pipa

Cristo espera atingir o sucesso de há oito anos, quando lançou o CD de estreia “Astros da minha vida”, com o novo disco, intitulado “Palavras”, apresentado, domingo, na Praça da Independência, em Luanda.

De acordo com o cantor, que, em entrevista ao Jornal de Angola, assumiu ser uma missão difícil, o recente trabalho discográfico atingiu a qualidade desejada, motivo pelo qual quer repetir a proeza de 2008.
O sucesso alcançado com o primeiro disco deu visibilidade à sua carreira, o que fez com que o cantor se tornasse num dos artistas mais apreciados entre os da sua geração.
Os temas “Ngaxi”, “Lá na minha banda”, “De bem com a vida”, “Está a sair bem” e “Astro da minha vida” fizeram sucesso, sendo o último o responsável pela presença do músico entre os finalistas do Top dos Mais Queridos 2008.
O artista disse que trabalhou com muita dedicação, motivo pelo qual está satisfeito com o resultado.
Apesar do atraso na conclusão do CD, facto que se deve sobretudo a questões de ordem financeira, a procura pela qualidade pretendida também levou algum tempo e teve alguma influência. “Palavras” deveria ter sido apresentado em 2015.
“Vai ser difícil superar o êxito do álbum de estreia, mas me dediquei para gravar um resultado que satisfaça os apreciadores da música angolana.”
Na óptica do cantor, a realidade tem demostrado  que o mercado da música, felizmente continua bem competitivo, apesar das dificuldades financeiras que os cantores enfrentam para gravar.
 O disco tem 13 temas de sua autoria, cantados em português, produzidos em Luanda e Portugal, de forma acústica, nos géneros semba e kizomba, por Livongh, Kintino, Jeovany e pelo francês Jerry Charbonier. O tema “Astro da minha vida”, que dá título ao primeiro disco do cantor, consta no repertório a pedido dos fãs, além de “Não me culpes”, dueto com Yola Semedo, “Mamã Fefa”, “Mulher”, “Ingrata” e “Minha diva”.
 O disco reúne também as músicas  “Palavras”, “Da noite”, “Gingato”, “Meu bairro”, “O que é que ela tem”, “Peço a Deus”, “No terreno dela” e “Mamã”, que narram factos do quotidiano luandense, de forma crítica.
A venda do CD “Palavras”  teve uma adesão satisfatória dos amantes da música angolana.
Segundo afirmações do cantor, as províncias da Huíla, de Malanje e do Huambo consta do programa para a promoção do disco “Palavras”, organizando sessões de venda e assinatura de autógrafo. A carreira de Cristo José Pombal começou na década de 90, como cantor de rap, no grupo “Filhos da Ala Este”. Também interpreta o estilo R&B, as letras abordam amor e conflitos sociais, e integrou projectos musicais do DJ Dias Rodrigues, com Puto Português e Nacobeta.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA