Cultura

“Cuidado com a boca” é exibido no Alda Lara

O grupo de teatro Amor à Arte leva à cena o espectáculo “Cuidado com a boca”, no domingo, às 20h00, no auditório da escola Alda Lara,  no distrito urbano da Ingombota, em Luanda, após a comemoração dos dez anos de existência no dia 3 do mês passado na III Trienal de Luanda.

Espectáculo de teatro volta a ser apresentado no domingo
Fotografia: Edições Novembro |

O espectáculo, da autoria e encenação de Marisa Júlio, directora e encenadora do grupo, conta a vida de um casal humilde do bairro do Mbocoio, província do Bié. Residentes numa aldeia onde a tradição e os costumes falam mais alto do que qualquer decisão, Joaquim jura mais de três vezes sem antes saber as causas.
Para a sua surpresa, Pedrito, seu primo, pede a cônjuge de Joaquim, com objectivo de coabitar com ela e fazer o que bem quisesse. Pois, Pedrito sabia que, segundo a tradição daquela Aldeia, toda pessoa que jurasse três ou mais vezes tinha de cumprir escrupulosamente o que lhe fossem pedir, caso contrário é enforcado.
Para fazer cumprir as Leis da Aldeia, o soba é coadjuvado por Florinda. O drama, de 55 minutos, acontece num mato ficcional. A obra é interpretada por seis actores que trazem à tona a importância e o valor cultural dos nossos costumes e tradições. “Cuidado Com a Boca” foi apresentada pela primeira vez no dia 22 de Maio de 2014, perfazendo três anos de existência.
O colectivo Amor à Arte foi fundado há dez anos, concretamente no dia 2 de Agosto de 2007. Entre os vários prémios que conquistou, o destaque recai para o Prémio Nacional de Cultura e Artes, edição 2016, na categoria de teatro. Além da obra “Cuidado com a boca”, consta do seu acervo “Quem é Que não chora”, “Suave pecado”, “O resultado”, “O verdadeiro sangue” e “A escrava da cama”.
  Marisa Júlio, Jaime Cazeza, Danilson Novais, Verónica Andreia, André Manuel, Helena Pascoal, Rosa Cecília, Ntima Rafaela e Xavier António integram o grupo Amor à Arte.

Tempo

Multimédia