Ensino das danças em escolas públicas


2 de Maio, 2016

Fotografia: Pedro Vidal |

O director da Cultura no Zaire, Biluka Nsakala Nsenga, advogou sábado, em Mbanza Congo, a criação de núcleos de acção cultural para a promoção e dinamização das danças “Lusende”, “Makwendi”, “Kitovola”, “Kidoda” e “Nsanga”, a nível das escolas públicas do ensino geral.

O responsável disse à Angop, a propósito do Dia Internacional da Dança, que a criação de núcleos vai permitir a promoção e o resgate das danças tradicionais.
Biluka Nsakala Nsenga considerou as danças como património cultural. A criação desses núcleos, na sua opinião, deve ser acompanhada por activistas, que passariam a incentivar e sensibilizar os alunos a valorizarem as danças tradicionais da região.
A falta de espaços para que os grupos de dança possam exibir-se desencoraja muitos dançarinos e promotores culturais, facto que o levou a apelar aos empresários do Zaire para apoiarem os grupos, embora se registe um universo de 42 agremiações cadastradas pela Direcção da Cultura.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA