Esperança e apelo às origens pelas mãos de Nok Nogueira

Mário Cohen
16 de Outubro, 2014

Esperança e um apelo para o regresso às origens são o cerne do novo livro de Nok Nogueira, apresentado na terça-feira no auditório Pepetela, do Instituto Camões, em Luanda.

O quarto livro do autor foi apresentado pelo crítico Jomo Fortunato, que o considerou um dos escritores da nova geração que contribui para o desenvolvimento da literatura nacional.
Durante a sessão de lançamento, o autor reconheceu o empenho e apoio de alguns escritores consagrados, como Trajanno Nankhova Trajanno, que o ajudou a desenvolver o seu talento. “O encontro com Trajanno alterou a minha noção da arte da escrita”, disse, acrescentando que é preciso aumentar o intercâmbio e encontros entre os autores das duas gerações.
O lançamento de “As Mãos do Tempo”, explicou, serve também para celebrar os dez anos dedicados à escrita, que começaram com “Sinais de Sílabas”. “Decidi recordar o trabalho árduo deste percurso com um livro no qual homenageio também a minha mãe e o João Tala, que me incentivou”, adiantou. 
Para Nguimba Ngola, que assistiu ao acto de lançamento, Nok Nogueira mostra que tem um forte interesse em trazer novas vertentes estéticas e ideologias à literatura. “Estamos acostumados a ver bons trabalhos seus”, disse, adiantando que inovações do género vão ajudar a dar outra dinâmica e percepção às actuais tendências dos jovens autores.
Uma das inovações de Nok Nogueira, acrescentou, é a ideia de transformar o seu imaginário numa narrativa desenhada, que mostra ao leitor um pouco de si. “Ele trabalha a palavra com a finalidade de comunicar e levar o leitor a uma viagem pelos seus contos poéticos”, comentou.
Nok Nogueira nasceu a 24 de Dezembro de 1983, em Luanda. Além de escritor é ainda membro da Brigada Jovem de Artistas Plásticos (BJAP) e fundador do Movimento Associativista Artístico e Cultural. O autor já venceu uma edição do Prémio Literário António Jacinto, com o livro “Sinais de Sílabas”.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA