Estudantes exploram talento

Manuel Albano |
3 de Abril, 2016

Fotografia: Santos Pedro

A criação de incentivos para os jovens explorarem o talento artístico é um dos objectivos do Complexo das Escolas de Arte (CEARTE), revelou na sexta-feira, numa cerimónia em Luanda, a directora da instituição.

Numa mensagem aos alunos do Curso Médio da Escola de Teatro do CEARTE, no quadro das jornadas comemorativas do Dia Internacional do Teatro, celebrado a 27 de Março, Ana Bela Cunha enalteceu o empenho e a dedicação demonstrados ao longo do último ano lectivo.
A directora encorajou os estudantes, particularmente do género feminino, a continuarem a explorar o talento, apesar de reconhecer as dificuldades que muitos têm enfrentado durante o curso. “Nunca desistam diante das dificuldades, porque precisamos de jovens formados para justificar os investimentos feitos pelo Executivo na criação de condições para o desenvolvimento das artes no país”, apelou.
Na ocasião, o professor e coordenador do Curso Médio de Teatro do CEARTE, Norberto Matan’yadi, disse que as artes cénicas despertam o subconsciente e o lado espiritual dos espectadores. “O actor deve ser um investigador e conseguir transmitir mensagens positivas, capaz de persuadir as pessoas a reflectir sobre determinados assuntos”, salientou a propósito.
Para a actriz e apresentadora de televisão Wanda Pedro, o sucesso de um artista depende da capacidade de superar as dificuldades e os obstáculos encontrados ao longo da formação e da carreira artística.
A intérprete da personagem Luena, da série da TPA Conversa no Quintal, explicou que o sucesso profissional passa pela vontade de “nunca desistir dos objectivos diante das contrariedades”.
O professor do CEARTE, Sidónio Massoxi, disse ser necessário um maior investimento nas artes, a começar pela formação dos jovens. “Precisamos de iniciativas que ajudem a promover e incentivar na juventude o gosto pelas artes”, sublinhou. 
O director nacional de Formação Artística, António Feliciano “Kidá”, destacou o investimento do Executivo no desenvolvimento das artes, designadamente com a criação de infra-estruturas de ensino.
A construção do Complexo das Escolas de Arte em Luanda, disse, possibilitou a reorganização do ensino nesta área, para fornecer aos criadores e futuros actores os meios adequados à formação e ao exercício das actividades artísticas.
As festividades do Dia Internacional do Teatro encerraram com a representação de duas peças de teatro e a entrega de diplomas de mérito aos melhores alunos do último ano lectivo.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA