Exposição reflecte Roma de ontem e hoje


3 de Julho, 2014

Reflectir sobre a evolução da sociedade e da cidade de Roma é o propósito de uma exposição realizada em homenagem aos precursores do 3D na capital italiana, com fotos tiradas no mesmo local e enquadramento, mas com décadas de diferença.

A mostra “As duas dimensões de Roma: 1914-2014" exibe algumas das melhores fotos de Giuseppe Vacchini, tiradas no início do século XX, e a "actualização" para os dias de hoje, dos fotógrafos Gilberto Maltini e Lorenzo Dina.
“Um belo dia foi ao estúdio a própria filha de Vacchini, a senhora Giovanna, octogenária. Queria mostrar-nos o trabalho do pai. Nós deduzimos que o fez por amor e afecto à sua memória", afirmou Gilberto Maltini à Agência Efe.
Logo a seguir a verem as imagens, tanto ele como o seu sócio no estúdio Parioli, em Roma, se aperceberam de que elas possuíam uma percepção especial. “Analisámo-las e vimos que tinham enquadramentos particulares, não as típicas fotos de postal da cidade de Roma, como tantas que se vêem no mundo, mas uns ângulos dedicados à vida quotidiana, uma espécie de reportagem", contou.
São fotos que Maltini qualificou como “de um bom perfil de Instagram, mas com a particularidade de terem sido tiradas muito tempo antes".
“Giuseppe Vacchini dava voltas pela cidade e fotografava o que acontecia no momento. Foi na altura em que as carroças estavam ser trocadas por carros e eram construídas plataformas para o carro eléctrico", explicou.
Com as imagens do conde Vacchini e as feitas pelos fotógrafos Maltini e Dina na sua versão actual, a exposição representa uma contínua passagem do passado para o presente e mostra que, apesar das mudanças, o essencial continua a existir na Cidade Eterna.
O ontem e o hoje da ponte de Amedeo Savoia, da emblemática Via Nacional, de dois jovens a navegarem logo abaixo, ou de um casal de apaixonados mum parque romano são algumas das cenas retratadas. Entre todas elas, destaca-se a imagem da cúpula de São Pedro reflectida na água. “Se tivesse de escolher, diria que esta é a mais bela", opinou Maltini.
Outras imagens expostas são um olhar para o passado que não se pode reproduzir no presente, em alguns casos por sorte, como a que mostra o campo de treino onde viviam os soldados africanos da então colónia italiana da Líbia, sob o comando de Benito Mussolini.
Os testes para a inauguração do altar da pátria ao soldado desconhecido ou a cerimónia de entronização do Papa Pio XI, em 1922, são outras das melhores fotos captadas. Além disso, todas elas, e outras mais, da vida quotidiana da cidade podem ser contempladas pelos visitantes em 3D.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA