Festa do teatro na Mediateca de Luanda

Roque Silva |
25 de Setembro, 2015

A II edição do Festival de Teatro do colectivo de artes 1.º de Maio, que decorre desde ontem e termina a 11 de Outubro, na Mediateca de Luanda, no distrito urbano da Maianga, chegou à dimensão nacional por albergar, pela primeira vez, peças de grupos de várias províncias.

Além dos 11 grupos de Luanda, dentre os quais o colectivo de artes 1.º de Maio, cuja iniciativa acontece por ocasião do seu quinto aniversário, participam companhias de outras quatro províncias, com destaque para os Ana Tueza, de Malanje, Estrelas em Palco, do Cuando Cubango, Filhos da Arte, do Cuanza Sul, e Renascer, do Huambo.
Os colectivos Kulonga, Diassonama, Enigma, Eclesiaste, Ima Iosso, Amor a Arte, Weza, Ekuikui II, Estrela Missionária e São Lucas são os representantes da capital.
Os espectáculos são realizados em duas sessões diárias, uma às 19h00 e outra às 20h00.
O grupo Eclesiaste apresenta hoje, na primeira sessão, a peça “Século XXI”, enquanto o Ana Tueza, de Malanje, sobe ao palco, às 20h00, com “Lágrimas de uma viúva”.
O Ima Isso e o Weza preenchem o programa de amanhã, com os espectáculos “Sexo no Casamento” e “O soldado tombado”, respectivamente.
A companhia Ekuikui II apresenta, no domingo, a peça “Um botão e duas casas” e o grupo Estrelas em Palco, do Cuando Cubando, “Sombra do amor”.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA