Festival de Artes saúda português


11 de Julho, 2014

O Festival das Artes, que se realiza entre os próximos dias 18 e 29, em Coimbra, celebra o património da língua portuguesa num espectáculo de poesia e vários géneros musicais, como morna, samba e fado.

O festival, a que os organizadores deram o nome de “A Flor do Lácio", é o título do poema do brasileiro Olavo Bilac, que usou a expressão para “designar a língua portuguesa", disse o actor André Gago, que participa na iniciativa.
André Gago fez um “levantamento de poemas escritos em língua portuguesa que fazem referências à própria língua".
Entre os autores destes poemas contam-se os angolanos António Agostinho Neto e José Luandino Vieira, os portugueses Alexandre O’Neill e Natália Correia e os brasileiros Vinicius de Moraes e Joaquim Nabuco, que André Gago diz no festival.
O reportório poético é apresentado pelo artista com uma mistura de géneros “como fado, morna e samba, mas com uma roupagem musical adequada, em especial os nunca antes musicados".
André Gago disse que no festival a palavra é “essencialmente musical" e que se procura explorar "a contaminação do português por outras línguas".

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA