Drama "Boyhood" a melhor película


20 de Janeiro, 2015

O drama “Boyhood: Da Infância à Juventude” foi premiado como o melhor filme na 20ª edição do Critics' Choice Movie Awards, os prémios da crítica americana, enquanto “Birdman ou A Inesperada Virtude da Ignorância”, do cineasta mexicano Alejandro González Iñárritu e um dos favoritos ao Óscar, destacou-se com sete estatuetas.

“Birdman” venceu nas categorias de melhor guião original, melhor edição, fotografia e banda sonora. Além disso, levou o prémio de melhor elenco, melhor actor e actor de comédia, ambos para Michael Keaton.
Assim como no Globo de Ouro, o prémio de melhor realização ficou com Richard Linklater por “Boyhood”.
A longa-metragem também levou as estatuetas de melhor actriz secundária (Patricia Arquette) e melhor actor revelação (Ellar Coltrane).
“O Grande Hotel Budapeste” foi reconhecido com os prémios de melhor comédia, guarda-roupa e direcção de arte.
Julianne Moore venceu a categoria de melhor actriz com “Para Sempre Alice” e J.K. Simmons a de melhor actor secundário pelo seu trabalho em “Whiplash”. Jenny Slate (“Obvious Child”) saiu com o prémio de melhor actriz de comédia. O Critics' Choice Movie Awards, da maior organização de críticos cinematográficos dos Estados Unidos e Canadá, a Broadcast Film Critics Association (BFCA), é a terceira premiação mais relevante do cinema americano, depois dos Óscares e dos Globos de Ouro.
A cerimónia teve lugar no auditório Hollywood Palladium, em Los Angeles, e foi conduzida pelo apresentador de televisão Michael Strahan, que também é ex-jogador de futebol americano.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA