Promotores precisam de regulamentação


17 de Outubro, 2014

Fotografia: Paulo Mulaza

Dom Caetano afirmou à Angop ser preciso criar normas que rejam a actividade dos produtores e promotores culturais que controlem e regulem melhor as actividades que exercem.

O cantor disse que os órgãos de direito devem regular e corrigir o trabalho desenvolvido pelos responsáveis por produzir e promover a música nacional.
Dom Caetano declarou que “os produtores e promotores realizam actividades sem qualquer regulamentação”, de acordo com ideias, critérios e interesses pessoais.
O artista referiu que por isso é preciso que as actividades que desenvolvem sejam melhor controladas, pois “há problemas de distribuição e promoção que criam barreiras à expansão da música nacional”.
O músico salientou que os promotores precisam de estar unidos para definirem “estratégias de combate à pirataria” e que não basta levar um artista a actuar no estrangeiro para se dizer que se está a internacionalizar a música.

Mais programas

A abertura de mais espaços culturais, prosseguiu, ajuda à divulgação e valorização da música angolana e proporciona aos artistas oportunidades de mostrarem o que fazem. A criação de mais programas culturais semelhantes ao Muzongué da Tradição, acentuou, é importante para os cantores e ajuda a divulgação da música nacional nas províncias e municípios.    
Dom Caetano lembrou ainda que já houve programas culturais que promoveram a cultura nacional e permitiram que a música angolana fosse conhecida no estrangeiro. O artista disse igualmente que num momento em que se fala tanto do resgate de valores é fundamental criar programas que os defendam.
Nos últimos anos, afirmou, fala-se bastante da importância de se passar o testemunho à próxima geração de artistas, pelo que a criação de mais programas musicais “é o passo decisivo neste sentido”. O cantor referiu também que é bom ver o surgimento de novos estilos musicais e de jovens que apostarem no semba e noutros ritmos nacionais, mas que “são precisas apostas fortes de intercâmbio cultural”.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA