Fotógrafo brasileiro apresenta "Génesis"


17 de Janeiro, 2015

Fotografia: Divulgação

O último grande trabalho fotográfico do brasileiro Sebastião Salgado, o projecto “Génesis”, é apresentado ao público, dia 8 de Abril, em Lisboa, e mostra 245 imagens dos lugares mais recônditos e desconhecidos da Terra.

A exposição, com curadoria de Lélia Wanick Salgado, com imagens de grande formato captadas entre 2004 e 2011, foi inaugurada em Abril de 2013, no The Natural History Museum, em Londres, e já foi vista por quase dois milhões de pessoas.
O projecto, destacou o artista, é mais um ensaio com características épicas, para dar sequência ao seu trabalho, depois do reconhecimento global obtido com “Trabalhadores”, em 1993, que documentou em todo o mundo os sinais do desaparecimento de um modo de vida baseado na manufactura, e “Migrações”, de 2000, registo das deslocações em massa de pessoas, forçadas pela fome, ou pressão demográfica.
Na promoção deste trabalho, o fotógrafo brasileiro tem explicado que o resultado destes oito anos de viagens, por mais de três dezenas de países, pode ser comparado a uma longa “carta de amor ao planeta”.
Além da descoberta de lugares que permanecem intocados ou são pouco conhecidos, a jornada de “Génesis” foi a reconciliação do fotógrafo para com a arte que decidiu abraçar aos 30 anos, já que, depois de “Migrações”, pensou abandonar a fotografia, chocado com as condições de vida de muitos povos e com o número de mortes que viu, especialmente no Ruanda.
A ideia de captar a Natureza e a relação do Homem com ela no seu estado mais puro, disse, motivou-o de novo e deu-lhe a energia para levar a cabo a epopeia de “Génesis” que mostra animais em liberdade, vulcões, icebergues, selvas e desertos, desde o Amazonas à Nova Guiné.
Além desta exposição, o projecto “Génesis” já deu origem a um livro, com a chancela da Taschen, e a um documentário, “O Sal da Terra”, realizado por Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado (filho do fotógrafo), que se estreou no último Festival de Cannes, onde recebeu uma Menção Especial do Júri da secção “Un Certain Regard”.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA