Cultura

Governo elogia a organização na Ilha de Sal

A cidade de Sal, em Cabo Verde, despediu-se domingo da primeira edição do Festival de Literatura-Mundo que contou com a presença do ministro da Cultura e Indústrias Critativas (MCIC), Abrãao Vicente, que elogiou a inicitaiva privada.

Ministro da Cultura e Indústrias Culturais
Fotografia: Expresso das Ilhas

Ao longo de quatro dias perto de cinquenta participantes, entre escritores, tradutores, editores, críticos e jornalistas debateram a Literatura-Mundo, nas suas diversas dimensões.
Abrãao Vicente destacou a centralidade literária conquistada pela cidade cabo-verdiana de Sal. “Sal foi, por estes dias, a improvável capital da literatura cabo-verdiana, o que não deixa de ser maravilhoso ao pensar a história de Cabo Verde”.

Tempo

Multimédia