Cultura

Grupo Ndokweno Artes apresenta peça na Liga

Manuel Albano

O grupo Ndokweno Artes apresenta, hoje, às 20h00, na Liga Africana, no âmbito do Circuito Internacional de Teatro (CIT), a peça “Matumbice de Ouro”, na qual os protagonistas procuram mostrar uma sociedade consumista e cada vez mais “devorada” pela ganância dos homens.

A falta de solidariedade, o egoísmo, o enriquecimento ilícito e a degradação dos valores morais e cívicos são alguns dos temas levados à cena no espectáculo de aproximadamente uma hora.
A peça analisa o actual quadro de desenvolvimento do continente africano e é também uma crítica social à má gestão dos recursos naturais postos à disposição dos próprios africanos.
O Ndokweno Artes apresenta-se em substituição do grupo de teatro de Lareira de Moçambique, que infelizmente não conseguiu os bilhetes de passagem para a sua deslocação ao país, a fim de participar nesta edição do CIT.

Grupo Amor à Arte
“Escrito nas Estrelas” é o título da peça de teatro que o grupo Amor à Arte exibe amanhã, na Liga Africana, em Luanda, na programação da terceira edição do Circuito Internacional de Teatro.
O espectáculo do grupo Amor à Arte descreve a história de um ancião, criador de gado, que mata um jovem por lhe ter furtado um boi.
O grupo Amor à Arte tem um vasto repertório, no qual se destaca o espectáculo dramático “A Bela e o Monstro”, com o qual venceu o Prémio de Teatro Municipal da Samba. Em 2016, venceu o Prémio Nacional de Cultura e Artes, na modalidade de Teatro. O grupo Amor à Arte foi fundado em 2 de Agosto de 2007.

Tempo

Multimédia