Grupos de teatro têm mais espaço


22 de Julho, 2015

Fotografia: JA

O teatro está a ganhar mais espaço e público na província do Uíge, disse, ontem, o director do Nzoji Yeto, na apresentação do balanço de mais uma edição do Festival de Teatro local (FesteaUíge), que terminou no domingo.

O festival, disse Domingos Nicolau, teve a participação de 13 dos 15 grupos inscritos, o que demonstra o interesse dos actores em divulgar as suas obras. “A próxima aposta passa por uma maior abrangência do festival, para virem grupos de Luanda e de outras províncias do país.”
Um dos problemas, desabafou, continua a ser a falta de apoios de empresários na realização dos festivais de teatro. Este ano, adiantou, o Nzoji Yetu convidou grupos de teatro da Huíla, Malanje, Luanda, Cuanza Norte, Cuanza Sul e Benguela, além dos locais.
“Apesar de o festival não ter um carácter competitivo procuramos também classificar os grupos segundo o seu desempenho e capacidade de enquadrar e motivar os espectadores”, afirmou.
Dentro desta perspectiva, o grupo Luzes ao Palco, da Huíla, com o espectáuclo “Saturação frustrada”, ocupou o primeiro lugar, seguido do Luzingu Malembe, do Negage, Uíge, com “A Casa Assombrada”.
O FesteaUíge, que decorreu de 11 a 19 de Julho, juntou-se aos festejos dos 40 anos da Independência.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA