Grupos mantêm vivo o teatro


28 de Março, 2016

O representante da União Nacional dos Artistas e Compositores (UNAC) no Huambo disse ontem que  os mais de 40 grupos de teatro da província, realizam espectáculos em instituições escolares e centros culturais e recreativos.

Pascoal Nhanga,  também director do grupo Vozes de África,  falava a propósito do 27 de Março, Dia Mundial do Teatro,    e referiu  que o teatro feito em espaços improvisados  oferece menos qualidade   em termos de iluminação, som, espaço cénico e acomodação dos espectadores. “Vivemos este clima de dificuldade mas  os grupos  empenham-se para que  o teatro não morra na província”, desabafou o representante da UNAC.
Pascoal Nhanga prevê que, nos próximos tempos, o Centro Cultural do Huambo, em construção,  contribua para o desenvolvimento do teatro, e defendeu a criação de uma escola do ensino médio de artes cénicas e um curso superior na Universidade José Eduardo dos Santos, com vista à formação de quadros no domínio das artes.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA