Hip hop é tema de exposição

Roque Silva |
15 de Maio, 2015

Fotografia: Cláudio Silva |

O percurso do movimento hip hop nos Estados Unidos e em Angola começa a ser debatido e analisado amanhã, a partir das 10h00, no Marco Histórico Mulemba Waxa N’gola, situado na zona da Petrangol, numa iniciativa da Associação Hip Hop.

A actividade, realizada no âmbito do projecto “Semana de Apreciação da Cultura Hip Hop”, promove uma exposição audiovisual, com a cronologia do período de fixação desta cultura em ambos os países.
A exposição mostra as tendências e influências do hip hop nos EUA, de 1960 a 1989, e em Angola, de 1986 a 2002, assim como as melhores fases desta cultura.
O coordenador do projecto informou ainda que a mostra inclui as datas de surgimento dos primeiros grupos de rap, os programas de rádio, o lançamento de CD independentes e a realização dos espectáculos. Os visitantes, disse Cláudio Silva, podem receber explicações sobre os factores mais relevantes para a fixação do hip hop em Angola. A exposição é apresentada no dia 24, na Galeria de Artes Invencible, e no dia 30, no Link Space.
A Galeria de Artes Invencible, na Gamek de Viana, acolhe, das 10h00 às 17h00, a primeira edição do Concurso Nacional de Graffiti, denominado “N’gola Graffiti Invencible”, com dez concorrentes nacionais.
Uma mesa redonda sobre “A etapa inicial do Movimento Hip Hop nos EUA e Angola e a sua contextualização regional” é realizada no dia 30, às 10h00, no Link Space, na Centralidade do Kilamba. Às 15h00, no mesmo espaço, são realizadas performances de música alternativa, com os DJ Li Mix e Selecta Lukeny Bamba.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA