Cultura

Horizonte realiza jornada artística

A Companhia Horizonte Njinga Mbande realiza, a partir de hoje até ao dia 22 , no auditório da escola homónima, na capital do país, uma jornada denominada “Luanda Teatro”, na qual serão exibidas os espectáculos “Exonerado” e “Jardada”.

Inserida nos festejos do 17 de Setembro, Dia do Herói Nacional, a jornada “Luanda Teatro”, do Horizonte Njinga Mbande, abre, com a exibição, em sessão única, às 20h30, do espectáculo “Exonerado”, que será levada à cena, nos dias 17 e 19, em duas sessões, às 19h45 e às 21h30.
A Companhia de Artes apresenta a peça “Jardada”, no dia 20, em sessão também única, às 20h30, e nos dia 21 e 22, em duas sessões, às 19h45 e às 21h30.
A peça “Exonerado” começa num “mujimbo” sobre algumas exonerações, que atormentam chefes de família, capazes das maiores peripécias para evitar perder num jogo, onde não há homens nem mulheres e vale quase tudo, para a manutenção do poder. />Com encenação de Adelino Caracol, a peça é levada à cena pelos actores David Enoque, José Galiano, Jeremias Caracol, Catarina André, Rafaela Jeoveth e Marcia Miguel, que dramatizam a situação da perda dos privilégios do poder e as consequências na vida dos familiares dos exonerados.
A peça “Jardada” retrata o drama de uma jovem que, maldiz ou bendiz ou bendito, o dia que se cruzou com a ideia de uma alteração física. Mal sabia que isso a colocaria nos holofotes da família, do bairro e da sociedade. E o tempo trouxe-lhe muitas surpresas.
A peça, duração de uma hora, é representada com David Enoque, Jeremias Caracol, José Galiano, Catarina André, Joana Virgínia, Marília dos Santos, Wendy Gomes, Francisco Almeida, Maria Mayala e Lorena Costa.

Tempo

Multimédia