Impedida a venda de obra de Picasso


2 de Abril, 2015

A Polícia de Itália recuperou um quadro de Picasso, avaliado em 15 milhões de euros, entre outras obras de arte que se encontravam em pose de um homem que se preparava para as fazer sair ilegalmente do país.

Ministério de Cultura da Itália refere num comunicado que o quadro de Picasso, “Violin et Bouteille de Bass”, de dimensões médias média e datada de 1912, corresponde à etapa cubista do pintor.
O homem em posse do qual foram encontradas as obras de arte, de quem se sabe apenas ser aposentado, quis há meses vender o quadro de Picasso à casa de leilões Sotheby’s por 1,4 milhões de euros na casa de leilões. Também pediu para o levar para fora do país, o que fez a Polícia italiana suspeitar e a iniciar as investigações sobre o vendedor.
Outro dos objectos recuperados é uma estátua da época romana, cuja origem os especialistas situam entre os séculos III e II antes de Cristo. O seu valor no mercado da arte está calculado em cerca de oito milhões de euros.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA