Cultura

Jovens criadores recebem formação

Manuel Albano

Promover o auto-emprego e despertar o espírito de empreendedorismo nos jovens é o propósito do seminário “Crowdfunding” (Financiamento Colectivo), que se realiza, desde segunda-feira e até sexta-feira, no Memorial António Agostinho Neto, em Luanda.

Durante o seminário, o formador e director do projecto “Economia Criativa”, António Carlos Ruiz Soria, de nacionalidade espanhola, disse   que pretende desenvolver um projecto abrangente e participativo.
No seminário, no qual são abordada a implementação correcta do “Crowdfunding” nos projectos culturais, sociais, tecnológicos, industrial e sanitário, o formador disse esperar contar com a colaboração e o empenho dos participantes.
António Carlos Ruiz Soria explicou que esta ferramenta, ainda pouco expressiva no mercado angolano, tem sido “um elemento essencial para o financiamento de vários projectos individuais e colectivos por meio da plataforma online”. />Em declarações ao Jornal de Angola, à margem da abertura do seminário, o músico Bruno Neto considerou importante a aposta permanente e contínua na formação, fundamentalmente no domínio da gestão e empreendedorismo cultural.
A falta de uma formação sólida na gestão de carreiras, explicou, o jovem empreendedor tem sido  um dos maiores obstáculos para que grandes projectos culturais possam conseguir atrair e despertar nos empresários a necessidade de financiamento.
Juntando esses factores, a formação, explicou Bruno Neto, vai ajudar a vencer as dificuldades no domínio das artes, em particular da música, área que melhor domina.

Tempo

Multimédia