Kulonga grava DVD ao vivo

Roque Silva |
29 de Janeiro, 2015

Fotografia: Divulgação |

O grupo Kulonga apresenta sábado e domingo, às 20h00, na Liga Africana, em Luanda, os espectáculos “Filhos da Pátria” e “Loucura de Barriga Vazia”.

O encenador e director artístico do grupo de teatro, Afonso Diniz “Amankwa”, revelou que durante a exibição das peças vão ser gravados os primeiros DVD de teatro do grupo. Os encenadores e directores artísticos dos outros colectivos de arte da capital têm acesso livre.
“Filhos da Pátria” é um espectáculo que analisa a história da difícil tarefa dos angolanos durante a guerra. A peça é uma homenagemà paz, aos soldados e aos negociadores que puseram fim à guerra em Angola.
O encenador e director artístico do Kulonga disse que o espectáculo é uma representação da bravura dos homens que lutaram pela Independência de Nacional.
O texto é relatado de forma artística e com algum humor à mistura sobre os sonhos, anseios e desejos dos angolanos por um país em Paz. A peça conta histórias de vida dos militares nas frentes de combate.
“A obra retrata as peripécias vividas por militares num campo de batalha. Um outro lado menos relatado por estes bravos homens que defenderam com honra, sangue e vida o nosso país”, disse.
“Amankwa” disse que a peça é uma homenagem aos 11 anos da conquista da Paz em Angola, um tributo especial ao Comandante em Chefe, José Eduardo dos Santos, e a todos os que lutaram para tão grande conquista.
A peça foi o melhor espectáculo do Festival de Teatro do Cazenga e consagrou o actor Ariclene de Oliveira, como o melhor artista do rfestival. “Loucura de barriga vazia” tem a participação de Letícia Karimy Bento Kambovo  e Afonso Dinis “Amankwa”. É o drama de um actor que é incompreendido. Ele vê-se dividido entre o amor à mulher e o amor que sente pelo teatro.
O clímax é quando o jovem actor tem de decidir entre a família e a arte. O espectáculo foi exibida no Festival Vozes de África, no Huambo, em 2014, e distinguiu “Amankwa” como melhor actor no Festival Internacional de Teatro do Cazenga, em 2012. Por isso, a peça foi escolhida para representar Angola no Festival de Verão de Maputo, este ano.
Fundado a 11 de Julho de 1998, o grupo de teatro Kulonga conquistou os prémios de teatro Cidade de Luanda em 2002 e 2005. O grupo tem, entre outras, os espectáculos “Luanda que anda”, “A Fénix Renascida”, “A fome de 1947”, “Fofoca de comadres”, “A culatra saiu pelo tiro” e “Génesis”.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA