Diários de Luandino lançados em Janeiro

António Bequengue |
30 de Dezembro, 2015

Fotografia: Rogério Tuti

A União dos Escritores Angolanos (UEA) vai publicar em Janeiro o livro “Os Diários de Luandino Vieira”, no âmbito dos festejos do 8 de Janeiro, Dia da Cultura Nacional, garantiu ontem ao Jornal de Angola o seu secretário-geral.

Carmo Neto disse que para o próximo ano está, igualmente, prevista a ampliação arquitectónica da sede da UEA, com a edificação de uma sala multiusos, para a realização de várias actividades culturais, e a construção de uma biblioteca de nível universal, assim como a apresentação de um projecto imobiliário.
Durante este ano, disse, a UEA editou um total de 70 títulos, entre livros inéditos, reedições e traduções, bem como teve participação directa nos prémios “Sonangol de Literatura” e “Quem Me Dera Ser Onda”.
“Para além de termos editado livros e traduzido alguns, há o facto de termos editado obras de autores cujos textos são estudados no sistema escolar português, fruto de uma cooperação que a UEA tem com Letras, que é local. Isto torna o projecto de internacionalização da literatura angolana mais facilitado, assim como uma maior edição de livros de autores nacionais”, afirmou Carmo Neto.
Por este facto, o secretário-geral da UEA considera de bastante proveitoso o ano de 2015 no que diz respeito à divulgação e promoção da literatura angolana, dentro e fora do país.
Carmo Neto lamentou o facto de existirem poucas livrarias em Angola, ao mesmo tempo que elogiou a direcção do supermercado Kero que vende livros nas suas diversas lojas espalhadas pelo país. “Nesta altura a UEA tem em funcionamento uma livraria à entrada da nossa sede para a dinamização e a divulgação da literatura angolana”, disse.
A UEA tem como objectivo promover a defesa da cultura angolana como património da Nação; estimular os trabalhos tendentes a aprofundar o estudo das tradições culturais do povo angolano; incentivar a criação literária dos seus membros, nomeadamente proporcionar-lhes condições favoráveis ao seu trabalho intelectual e à difusão das suas obras; propiciar a revelação de novos escritores, orientando os seus esforços e dando-lhes o necessário apoio; e fortalecer os laços com a literatura e as artes dos outros Povos Africanos.
A UEA  é uma associação com personalidade jurídica, constituída por escritores angolanos, proclamada em 10 de Dezembro de 1975, em sessão que contou com a presença do Presidente Agostinho Neto, que proferiu um discurso programático onde reflectiu sobre a dimensão cultural de Angola.
Entre os presentes estiveram escritores como Luandino Vieira, Arnaldo Santos, António Jacinto, António Cardoso, Jofre Rocha, Fernando Costa Andrade “Ndunduma”, Aires de Almeida Santos e Uanhenga Xitu.
O seu primeiro presidente da assembleia geral foi Agostinho Neto e o primeiro secretário-geral foi Luandino Vieira.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA