Fátima Mendonça vence "Craveirinha"


16 de Setembro, 2016

Os membros do Júri do Prémio José Craveirinha de Literatura de 2016 deliberaram, por unanimidade, atribuir a distinção à estudiosa e ensaísta Maria de Fátima Mendonça, professora reformada da Faculdade de Letras e Ciências Sociais da Universidade Eduardo Mondlane, pelo inquestionável contributo ao desenvolvimento da Literatura moçambicana, através da formação de profissionais, docentes, críticos e prestigiados estudiosos e ensaístas da actualidade.

O Prémio José Craveirinha de Literatura foi instituído em 2003 pela HCB (Hidroeléctrica da Cahora Bassa), em parceria com a AEMO (Associação dos Escritores Moçambicanos). A cerimónia de entrega do Prémio está marcada para o mês de Novembro, na vila do Songo, província de Tete, por ocasião das comemorações do 9.º aniversário da reversão da gestão hidroeléctrica de Cahora Bassa para o Estado moçambicano.
O prémio homenageia o escritor José Craveirinha (1922-2003), sendo que já foram laureados nove escritores, nomeadamente Paulina Chiziane, Armando Artur, Eduardo White, João Paulo Borges Coelho, Ungulani Ba Ka Khosa, Aldino Muianga, Calane da Silva, Lília Momplé e Luís Bernardo Honwana.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA