Livro de Mena Abrantes


20 de Agosto, 2015

Fotografia: Paulino Damião

O drama de um casal que procura preservar a relação numa época de crise económica, é o foco principal do livro  “Quotidiamo - Esta não é uma história de amor”, que foi apresentado, terça-feira, no Instituto Camões, em Luanda.

O livro, da autoria dos escritores angolano José Mena Abrantes, do português Rui Zink, do cabo-verdiano Abraão Vicente e do brasileiro Ivan Cabral, explora ainda as actuais tendências sociais dos relacionamentos nas sociedades dos países de cada um dos autores.
José Mena Abrantes, um dos autores, considerou o livro uma chamada de atenção à sociedade sobre determinadas tendências que têm influenciado negativamente na vida de muitos casais. “A verdade é que parece já não termos tempo para o amor, apenas para o ódio”,  disse o escritor, salientando que a história é contada em continuidade, sendo nisso que reside a sua inovação.

    Ainda na terça-feira

No Centro Cultural Português, o jornalista e escritor José Mena Abrantes lançou a sua obra em dois volumes com o título “Em nome próprio”, com chancela da Editorial Maianga.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA