Prémio “António Jacinto” para escritor Sol Africano


10 de Julho, 2016

A obra “Os Segredos da Semente e a Pintura do Olhar”, da autoria de Sol Africano, é a vencedora do prémio literário António Jacinto de este ano, para obras inéditas que incentivam novos autores angolanos, anunciou ontem a organização.

Em comunicado de imprensa, a organização refere que o júri do prémio literário António Jacinto, constituído por Paula Henriques (presidente), Isaquiel Cori (vogal) e Albino Carlos (secretário), reunido a 10 de Maio último, após ter apreciado as 27 obras a concurso, decidiu atribuir o prémio à obra “Os Segredos da Semente e a Pintura do Olhar”, de Sol Africano.
O júri decidiu premiar a obra de Sol Africano, pseudónimo literário de Manuel António Tungavo, pelo conteúdo da poesia, recheada de imagens viçosas e inesperadas que renovam a percepção das coisas antigas e aparentemente vulgares do quotidiano. “O autor destaca-se também pela pintura do olhar peculiar e atento que se estende às diversas realidade sócio-culturais no país”, refere a organização.
O prémio anual, patrocinado pela Banco de Poupança e Crédito (BPC), representa uma homenagem ao poeta António Jacinto, um dos grandes vultos das letras e da cultura nacional.

capa do dia

Get Adobe Flash player




ARTIGOS

MULTIMÉDIA