Cultura

Romance de estreia de Stella Constantina

Amilda Tibéria

“Ausentes” é o título do livro de estreia da autoria de Stella Constantina lançada na noite de quarta-feira, no Camões - Centro Cultural Português, em Luanda, com a chancela da editora Asas de Papel.

“Ausentes” de Stella Constantina chegou quarta-feira às bancas
Fotografia: DR

O livro retrata a vida de uma sonhadora compulsiva, que em 13 cartas, dirigidas à morte, faz uma reflexão sobre a relação do homem com esse destino que, apesar de unir todos os seres vivos, não é de fácil aceitação.
Segundo a autora, a inspiração para escrever este primeiro livro surgiu numa apreciação feita no quotidiano, em que as pessoas têm adiado a sua vida, com situações fúteis e guardam tudo quanto possível que podem fazer hoje para o amanhã, como amar e sentir. Stella Constantina explicou que demorou seis anos para escrever este livro e o capítulo que mais lhe dificultou foi o último, por ser uma novela ligada a um romance, que merecia um final com muito impacto.
“Na geração actual, nós nos tornamos ausentes mesmo estando presentes e deixamos os nossos próximos padecerem por falta de carinho e isso nos torna ausentes”, disse Stella Constantina.
Waxyakulo Francisco, que fez a apresentação do livro, realçou que na obra o tom da carta dirigida à morte sem resposta vai aumentando de crispação até receber uma resposta depois da 13ª carta.

Tempo

Multimédia