Cultura

Luanda tem maioria dos actores de teatro

Roque Silva

Dados estatísticos apresentados ontem, no Hotel Alvalade, por ocasião do Dia Mundial do Teatro, revelam que Luanda alberga 63 grupos teatrais de um universo de 159 espalhados nos sete distritos urbanos. 

Fotografia: Edições Novembro

Os distritos urbanos da Samba, Sambizanga, Maianga, Rangel, Ingombotas, Neves Bendinha e Ngola Kiluanje têm 935 actores, de um total de 2684 profissionais controlados pela Associação Angolana de Teatro (AAT).
Segundo o relatório, a população entre os 26 e 35 anos é a que mais praticam teatro e, entre 2001 e 2010, foi o período em que se criaram mais companhias, num total de 63.
No município do Cazenga existem 45 grupos e 703 actores, seguido de Viana, com 20 e 302, profissionais e, depois Cacuaco, com 9 grupos e 179 actores. O estudo refere que Quissama é único município de Luanda cujo registo não identificou qualquer companhia. O presidente da Associação Angolana de Teatro considera satisfatório o interesse dos jovens pelo teatro, embora a falta de salas convencionais é seja um dos principais entraves para a expansão.
Sem adiantar números, Adelino Caracol, voltou a alertar os membros para a necessidade de pagar as quotas e garantir o funcionamento eficaz da agremiação. A associação anunciou para breve a realização de um estudo sobre o movimento teatral nas restantes 17 províncias e a actualização dos dados referentes à situação de Luanda.               

 


Tempo

Multimédia