Cultura

"Mambo Rijo" já nas livrarias

“Mambo Rijo” é o título do novo livro do cartoonista Sérgio Piçarra, lançado sexta-feira, em Luanda, na Associação Cultural e Recreativa Chá de Caxinde.

Fotografia: Mota Ambrósio | Edições Novembro

O livro reúne desenhos de crítica social e política. Em 115 páginas, Piçarra descreve problemas sociais, como alcoolismo, tabagismo, falta de água, energia e lixo. Editado pela Chá de Caxinde, com tiragem de mil exemplares, está à venda ao preço de dois mil kwanzas.
O cartoonista afirmou que emprega a sátira para chamar a atenção da sociedade sobre as preocupações dos cidadãos, atacando questões sociais e políticas.
Por outro lado, mostrou-se preocupado com a falta de novos cartoonistas no mercado. Segundo o autor, regista-se cada vez menos incentivos e investimentos nesta área.
Sérgio Piçarra é autor das publicações “Mankiko, o Imbumbável – Vamos Fazer Mais Como?”, “Gargalhada Setembrina”, “Só vos olha já” e “Mankiko - Apreciando o cenário… nas calmas!”. Cartoonista e designer gráfico, nasceu em  Luanda, em Julho de 1969. Discípulo de Henrique Abranches, em 1990, criou nas páginas do Jornal de Angola, o personagem “Mankiko - O imbumbável” que constitui hoje a maior referência do cartoon nacional, e que foi publicado pela primeira vez pela União dos Escritores Angolanos, sob tutela de José Luandino Vieira.
 Em 2007 viu a sua BD “Escombros” produzida em parceria com Henrique Abraches, ser publicada pela extinta revista portuguesa “Selecções BD”.

Tempo

Multimédia