Cultura

Manuel Rui lança romance

Manuel Rui lança dia 3 de Agosto na União dos Escritores Angolanos (UEA), em Luanda, o romance “Kalunga”.

Fotografia: DR

A contradição entre colonizadores e colonizados é um dos temas que o autor aborda nesta obra, que na opinião do crítico Boaventura de Sousa Santos, ser “do melhor de todos os que o autor já escreveu”. O mais complexo, o mais sedutor e o mais difícil.”
Boaventura de Sousa Santos, prefácio, que Manuel Rui, “atento ao resgate da humanidade, aborda não só as forças e grandezas como também as fraquezas e misérias”.
Poeta, contista, dramaturgo, romancista e cronista, Manuel Rui publicou, há dois anos, “As Acácias e os Pássaros”. Autor de dezenas de obras, tem livros traduzidos em mais de 12 línguas, entre as quais umbundu, alemão, espanhol, hebraico, finlandês,  italiano, servo-croata, sueco e russo. 
Em 1977, publicou “Sim Camarada”, o primeiro livro de ficção angolana pós-independência. É também autor do clássico “Quem Me Dera Ser Onda”, uma das obras adaptadas para o teatro.

Tempo

Multimédia