Cultura

Marginal acolhe amanhã ensaio geral do Entrudo

Roque Silva

O ensaio geral e técnico para os desfiles central e das classes B (adulto) e C (infantil) do Carnaval de Luanda, que vão ter lugar nos dias 10, 11 e 13 deste mês, é realizado amanhã, a partir das 16h00, no palco da prova (Marginal da Praia do Bispo).

Homenageado União Jovens da Cacimba participa no ensaio
Fotografia: Kindala Manuel|Edições Novembro


Nessa fase dos preparativos do Entrudo desfilam apenas os vencedores da edição anterior e o grupo homenagea-do da presente edição na maior festa popular, na capital do país.
Ao União Mundo da Ilha, vencedor da classe A da edição passada, Nova Geração do Mar (classe B), Cassules Viveiro do Njinga Mbande (classe C) e ao União Jovens da Cacimba, (homenagea­do da presente edição) cabe a responsabilidade de demonstrar como deve ser feito um desfile.
O ensaio conta com a presença de membros da Comissão Preparatória do Carnaval de Luanda, a que recai a responsabilidade de orientar os grupos sobre o posicionamento, a extensão a percorrer, o tempo de permanência na pista e o comportamento dos bailarinos e outros membros do grupo.
O secretário-geral da Associação Provincial do Carnaval de Luanda (Aprocal) revelou ao Jornal de Angola que a avaliação aos grupos é feita por uma distância de 600 metros, a contar da partida (largo adjacente ao Hotel Baía), na avenida Dr. António Agostinho Neto, sentido Nzamba 2.
António de Oliveira “De­lón” disse que o propósito é fazer as correcções no local da prova para evitar constrangimentos no dia do desfile e penalizações na pontuação dos grupos pelo júri. 
“Vamos orientar os grupos a corrigir os erros que são co­metidos de forma recorrente. Um deles tem a ver com a ex­plo­ração da pista ao máximo, porque se preocupam em dar o melhor de si defronte à presidencial, quando na verda­de o júri está atento a toda a extensão. Mas vamos orien­tar para corrigir os erros para uma melhor prestação de to­dos”, disse o secretário-geral da Aprocal.
O ensaio  conta  com a presença dos efectivos da Polícia Nacional, dos Serviços de Emergências Médicas e Protecção Civil e Bombeiros.

Tempo

Multimédia